Argila para queimadura de sol
09/09/2021
Argila branca com óleo de coco: benefícios e como usar
24/09/2021

Argila com óleo essencial: posso misturar? Como?

A argila é um ingrediente extraída de rochas sedimentares. Por ela ser natural, ela é super útil em nosso dia a dia.

Para além de seu uso na fabricação de utensílios domésticos e decorativos, como louças e revestimentos cerâmicos, a argila é muito utilizada em tratamentos medicinais e estéticos.

Dento do mundo da beleza, as argiloterapias variam em relação ao local que será feito.

No corpo, é argiloterapia corporal; no rosto, é argiloterapia facial e no cabelo é argiloterapia capilar.

Todas essas técnicas não são recentes uma vez que na antiguidade já eram feitas.

Entretanto, nem sempre esses tratamentos são feitos apenas com argila.

Muitas pessoas utilizam outros produtos a fim de potencializar as propriedades de cada uma das argilas.

Os ingredientes mais queridinhos para assumir essa função de estimular a revitalização da pele ou a hidratação do cabelo são bepantol, soro fisiológico e óleo essencial.

Tanto o bepantol quanto o soro fisiológico sabemos que não danifica o cabelo e nem faz mal para a saúde de quem usa.

Mas e o óleo essencial? Será que a mistura desse ingrediente com argila faz algum mal? Pode ser usado? Como deve ser feito?

Pensando em sanar todas as suas dúvidas, decidimos abordar esse assunto hoje.

Ficou interessado em saber mais sobre? Acompanha a leitura com a gente!

O que é óleo essencial?

Talvez você não saiba do que se trata, mas certamente já ouviu falar em óleo essencial.

Este, por sua vez, é uma substância natural, volátil e concentrada, destilada da essência que as plantas produzem.

Ele pode ser encontrado nas flores, folhas, caules, hastes, pecíolos, cascas ou raízes. Por isso, há uma vasta diversidade de óleos essenciais.

Já que é de origem vegetal, esse produto consegue proporcionar muitos benefícios para a nossa saúde e bem-estar emocional.

Essa é a chamada aromaterapia, uma técnica milenar que utiliza o aroma para estimular diferentes partes do cérebro.

Uma vez que depende da planta que o óleo essencial é extraído, as propriedades de cada um são diferentes.

Em geral, esse produto pode trazer os seguintes benefícios:

  • Acalmar
  • Cicatrizar
  • Atuar como analgésico
  • Ser usado como anti-inflamatório
  • Atuar como inseticida
  • Ser usado como repelente
  • Melhorar o sono

Devido à sua composição volátil e natural, podemos sentir essas vantagens promovidas pelo óleo essencial de diferentes formas como:

  • Aromatização de ambientes
  • Massagens
  • Compressas
  • Inalação
  • Ingestão
  • Aplicação diretamente na pele
  • Aplicação diretamente no cabelo

Argila com óleo essencial faz mal?

Por si só, a argila já é um ingrediente poderoso para hidratar o cabelo e, consequentemente, melhorar o seu aspecto.

Além disso, também é um componente importante para revitalizar e tratar a pele.

Dependendo da cor da argila, alguns elementos, como magnésio, cobre, zinco, ferro e entre outros, estão presentes ou não.

Por isso, cada argila é utilizada para um objetivo diferente.

Por exemplo, a argila verde é fundamental para controlar a oleosidade do rosto e para melhorar as acnes.

Já a argila branca é usada para hidratar e restaurar o brilho do cabelo assim como para cicatrizar a pele.

No entanto, nem sempre só a argila resolve totalmente.

Por isso, para estimular as suas propriedades, muitas pessoas pensam em misturá-la com outros produtos, como os óleos essenciais.

Porém, essas ficam preocupadas se a combinação argila com óleo essencial faz algum mal.

Se você faz parte desse grupo de pessoas, então, você pode ficar tranquilo: o uso de ambos os produtos não traz maleficio para sua saúde.

O mais importante de tudo é usar corretamente.

Boas opções de mistura são: argila verde e óleo essencial de alecrim.

Isso porque ambos são ótimos ingredientes para amenizar peles acneicas e controlar a oleosidade.

Além dessa combinação, a mistura de argila branca com óleo essencial de lavanda e óleo essencial de palmarosa também é bastante proveitosa.

Como usar argila com óleo essencial

Se você se sentiu tentado ou tentada para experimentar argila com óleo essencial, mas não sabe como fazer, não tem problema.

Estamos aqui pra isso!

Então, prepara o caderninho para anotar duas receitas: uma para as madeixas e outra para a pele.

Vamos lá?

Máscara de argila com óleo essencial para cabelo

Se você está procurando uma forma de estimular o crescimento capilar, essa máscara de argila com óleo essencial é uma ótima pedida.

Para essa receita, você vai precisar de:

  • Argila branca
  • Óleo essencial de melaleuca (tea-tree)
  • Óleo essencial de alecrim
  • Óleo essencial de cedro
  • Óleo essencial de ylang ylang

Vamos ao passo a passo?

  1. Em um recipiente, coloque uma colher (sopa) de argila branca com 1 gota de óleo essencial de melaleuca, 3 gotas de óleo essencial de alecrim, 3 gotas de óleo essencial de cedro e 3 gotas de óleo essencial de ylang ylang
  2. Assim que colocar tudo no recipiente, misture com um pouco de água até achar a consistência de pasta
  3. Quando encontrar o ponto, aplique essa mistura no couro cabeludo em suaves massagens
  4. Deixe agir por 20 minutos
  5. Após esse tempo, enxágue com água morna lavando com shampoo neutro enquanto faz massagens circulares no couro cabeludo

Máscara de argila com óleo essencial para o rosto

Se você tem uma pele muito oleosa e com muitas espinhas, então essa receita é para você.

Para ela, você vai precisar de:

  • Argila verde
  • Óleo essencial de melaleuca (tea-tree)

Siga o seguinte passo a passo:

  1. Em um recipiente, coloque duas colheres (café) de argila verde com 2 gotas de óleo essencial de tea tree e duas colheres (café) de água
  2. Misture tudo até achar uma consistência de pasta
  3. Aplique no rosto
  4. Deixe agir por 15 minutos ou até secar completamente
  5. Enxágue com água para retirar a mistura

E aí, curtiu o nosso artigo?

Já usou argila com óleo essencial?

Conta pra gente seu relato!

Maria
Maria
Maria Eduarda é carioca, estudante de Letras e redatora :)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *