Argila verde se torna um remédio alternativo no combate a micose na unha
01/02/2021
Argila bentonita x assaduras
19/02/2021

Argilas clareadoras para pele: conheça!

As argilas são um dos produtos mais queridinhos quando o assunto é cuidado com a pele – e não é à toa. Esse mineral oferece inúmeros benefícios tanto para a saúde quanto para a aparência.

Existe um verdadeiro arco-íris de opções de argilas diferentes, cada uma com sua particularidade. Algumas são indicadas para peles mais sensíveis, outras para peles mais oleosas, mas fato é que todas elas possuem têm algo de bom para nos oferecer.

As argilas também são frequentemente usadas no clareamento da pele. Manchas escuras podem surgir por vários fatores diferentes, incluindo exposição ao sol sem proteção, envelhecimento precoce, acne, problemas hormonais e melasma.

Esse pode parecer um problema banal, mas só quem tem de lidar com as manchas no rosto e no corpo sabe como isso pode afetar a autoestima. O rosto é o nosso cartão de visitas e é natural que nós queiramos mantê-lo sempre apresentável.

Mas será que a argila tem mesmo o que é necessário para combater as manchas no rosto? E se sim, qual é a mais indicada para cada região?

Se você ficou curioso(a) e quer saber a resposta dessas e mais perguntas, é só continuar a leitura!

A argila realmente é eficaz contra as manchas?

Embora ainda não haja um estudo relacionando a argila e as manchas que surgem na pele, é comum ver relatos de pessoas que notaram uma melhora em suas manchas após o tratamento com esse minério.

Além disso, com a quantidade de benefícios que a argila pode proporcionar, esse resultado não causa muitas surpresas. Além de ativar o metabolismo, ser absorvente, calmante, cicatrizante, descongestionante, purificadora, refrescante, revitalizante e antisséptica, a argila ainda é antioxidante.

E você já parou para se perguntar por que muitas mulheres gastam rios de dinheiro com produtos ricos em vitamina C para o rosto?

É porque a vitamina C possui ação antioxidante que protege a pele dos raios do sol e minimiza os efeitos provocados por ele, como as tais manchas.

Sendo assim, não será uma surpresa quando, futuramente, estudos comprovarem a eficácia da argila no combate às manchas e melasma.

Como tratar manchas com argilas clareadoras?

Como já citamos anteriormente, cada argila possui sua peculiaridade – algumas são mais esfoliantes, outras mais hidratantes, etc., e saber qual é a mais indicada para cada região do corpo, cada tipo de pele, é fundamental.

Para isso, nós vamos te ensinar a escolher o tipo de argila correto para cada tipo de pele e área do corpo. Confira!

Argila branca

A argila branca é a mais suave de todas. É rica em alumínio, ferro, cálcio, entre outros minerais, e uma das argilas mais acessíveis.

Ela dá mais elasticidade à pele, elimina impurezas profundamente sem ressecar, reduz inflamações, hidrata e, como esperado, pode ser usada no clareamento de manchas.

Por ser mais suave, a argila branca é ideal para áreas sensíveis, como rosto, virilhas e axila, e para peles mais secas.

Argila verde

A argila verde é a mais rica em nutrientes e, ao lado da branca, uma das mais acessíveis. É muito utilizada tanto para estética quanto para a saúde, pois alivia dores musculares.

Essa argila possui ação esfoliante e é a mais indicada para peles oleosas. Sendo assim, se você possui uma pele muito seca, talvez essa não seja a melhor opção.

Em relação ao tratamento contra as manchas, a argila verde pode ser usada em qualquer região do corpo e rosto, mas um cuidado deve ser tomado ao usa-la em áreas mais sensíveis. Evite usa-la em regiões irritadas ou machucadas.

Argila amarela

A argila amarela é rica um silício, um nutriente que faz maravilhas pela saúde da pele. Assim como a argila branca, a amarela é mais indicada para peles secas e sensíveis, mas pode ser usada em qualquer tipo de pele.

Além de reduzir o aparecimento de rugas, a argila amarela rejuvenesce a pele, elimina espinhas, celulite e pode até reduzir tensões do corpo.

Se você quer uma argila mais suave para tratar as manchas e melasmas de regiões mais sensíveis, como rosto e axilas, por exemplo, a argila amarela é uma ótima opção.

Argila vermelha

A argila vermelha é outra opção para o tratamento de peles e regiões mais sensíveis. É rica em óxido de ferro.

Além tratar as manchas, ela absorve a oleosidade, faz uma limpeza profunda, hidrata, evita linhas de expressão, auxilia o processo de cicatrização, estimula a circulação sanguínea e contribui para a renovação celular.

Argila preta

A argila a preta é a mais nobre e rara de todas. É rica em silício, titânio e alumínio e extraída da lama vulcânica, o que explica seu valor mais elevado.

Ela age na pele uniformizando a e amenizando manchas de espinhas, melasmas, acne, etc.

Além de ser ótima para o tratamento de manchas na pele, a argila preta ainda possui um efeito cicatrizante, contribui para a renovação celular, é desintoxicante e anti-inflamatória.

Conclusão

Enquanto a ciência não esclarece pra nós se a argila é mesmo eficaz no combate às manchas que surgem no rosto e no corpo, resta esperar.

Muitas blogueiras relataram terem sentido uma melhora em suas manchas após o uso de argilas, mas é importante ter em mente que cada organismo irá reagir de uma forma.

Mas fato é que a argila, seja ela qual for, é um minério que só tem benefícios a oferecer. Sendo assim, não custa nada realizar o teste em casa para ver se ela realmente funciona.

Caso ela não funcione, você ainda estará usufruindo de muitos outros benefícios, como hidratação, renovação celular e cicatrização da pele.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *